• E-mail comercial@aleia.com.br
  • WhatsApp (21) 98753-8873

Aprendizado Contínuo

Nos tempos atuais o conhecimento se desenvolveu tão rapidamente, que nos deixa frequentemente com a sensação de obsolescência rapidamente.

Novos métodos, conceitos, hábitos, tecnologia, produtos, modelos de produção e até as relações entre as pessoas evoluem em um ritmo de extrema aceleração.

Permanecer ativo neste cenário de constante transformação, requer a capacidade de aprender constantemente – até o final da vida – é indispensável.

O conceito de lifelong learning, vem utilizado, e pode ser entendido como aprendizagem ao longo da vida ou aprendizado contínuo.

Quando a Cultura Organizacional fomenta o aprendizado contínuo, é mais natural que os colaboradores procurem se manter em dia com os avanços na sua área de atuação.
Este conceito envolve diferentes tipos de aprendizado:

  • Aprender a aprender: - É o ponto principal do Lifelong Learning na prática, mas requer aceitação de aprendizado, e trabalho interior de reconhecer que não se sabe tudo sobre tudo e de fato estar aberto a aprender.
  • Aprender a saber: - É uma busca pessoal.  Dominar ferramentas de aprendizagem e utilizá-las individualmente que possibilitem “aprender sozinho”, sem se colocar na posição de mero “recebedor” de conhecimento.
  • Aprender a fazer: -Não é só acumular teorias, mas testá-las, praticá-las, ajustá-las, melhorá-las.  As mudanças são constantes e todos devemos nos colocar em prontidão para as mudanças, as rupturas e a inovação.
  • Aprender a conviver: -Vivemos em espaços comuns, físicos ou virtuais, estamos sempre em colaboração. O conhecimento de um pode sempre ser melhorado e acrescido com o conhecimento do outros. Acrescentar referencias, informações, conhecimentos individuais, contribui para troca construtiva nas organizações e na vida profissional e pessoal.
  • Aprender a compartilhar: -Já não vivemos mais em tempos onde “informação é poder”.  Estamos em tempos de “compartilhamento nos leva mais longe”. E todos aprendem com todos

Muitas profissões licenciadas exigem que seus membros continuem aprendendo a manter uma licença. Segundo Merriam, Caffarella, & Baumgartner, 2007,  [1] . O PMI™ (Project Management Institue) é um deles, onde o estabelecimento de PDUs ( Professional Development Units) é fator encorajador para que profissionais se mantenham atualizado e aprendizes de uma vida inteira. 
Aqui vão algumas dicas para o incentivo inserir a aprendizagem ao longo da vida na Cultura Organizacional.  
  • Disponibilizar e promover a Gestão do Conhecimento, com repositórios de lições aprendidas e comunidades de prática.
  • Encorajar as pessoas a aprender como selecionar conteúdos, conhecer seu próprio processo de aprendizagem.
  • Disponibilizar ferramentas de micro-learning de estudo individual;
  • Incentivar a investigação, pesquisa, experiência e publicação nos campos da atividade fim da organização bem como da aprendizagem ao longo da vida
  • Promover a importância da aprendizagem ao longo da vida na preparação das pessoas para um envolvimento ativo no crescimento da organização, através de palestras internas e workshops sobre o assunto;
  • Estabelecer um plano de sucessão de lideranças que preveja a ampliação de competências técnicas e comportamentais.
Já avaliou se a sua empresa estaria precisando que a Cultura Organizacional esteja alinhada com princípios de Aprendizado Contínuo?

[1] Merriam, S. B. & Caffarella, R.S. (2007) Learning in adulthood: A comprehensive guide. San Francisco: Josseey-Bass (3rd. Edition)